Google+ Followers

Google+ Followers

sábado, 25 de janeiro de 2014

UTOPIA OU A VIDA REAL?

Se eu pudesse disfarçar, camuflar o que sinto... meu sorriso, minha (falsa) alegria, faria tudo para ninguém saber, o que, realmente, estou sentindo... Eu penso muito na vida, na minha vida, no jeito que eu a estou levando, do jeito que eu estou vivendo... não sei se estou certa, não sei se ajo de maneira correta... ou será que estou desperdiçando um tempo precioso, que não volta jamais? Não tenho todo o tempo para fazer tudo o que quero e o que me faria feliz... fico triste quando penso no que fazer, no que mudar, que caminho seguir, que decisão tomar, essas coisas de decisões de adultos, mas as vezes eu me sinto criança, precisando de colo, de ser guiada, de ser levada pela mão, sem ficar na duvida, sem me sentir impotente ou fraca...
Tenho vontade de apagar a minha historia, para que ela fosse reescrita, assim, seria mudado o meu destino, teria a chance de ter a minha vida cheia de coisas boas e diferentes do que eu tive e tenho... As vezes eu tenho esses delírios, ou sonhos, não sei bem defini-los, ou pensamentos loucos, ou quem sabe esperança..., minha alma vive cheia de esperança de ver tudo mudado, tudo diferente... queria ser outra pessoa, talvez, de outro planeta... não deveria ficar preocupada, não me importaria com as pessoas, não sofreria, não teria expectativas, nem decepções, nem consideração, carinho??? sentimento de amizade, amor??? não existem, foram deletados... e sonhar poderia? não, não, sonhar faz mal a pele, traz sofrimento... e saudade, pode sentir? claro que não... não existe esta palavra, somente num país que não existe mais, então, se não existe o país, não existe o que foi inventado nele, ninguém conhece o que é saudade... soube que era algo tão ruim, que doía, que maltratava quem a sentisse... e angustia, aqui existe isso? as pessoas ficam angustiadas? claro que não, neste planeta não conhecemos angustia... Aqui, sempre que alguém sofre, acontece um milagre, sua vida é modificada, reformulada...
Neste meu planetinha particular, existem milagres... e a vida é um milagre... e a vida é uma maravilha... ai que felicidade... ai que utopia...

Nenhum comentário:

Postar um comentário