Google+ Followers

Google+ Followers

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

UM NOVO DIA

(O Dia em que eu Sonhei com Os Anjos)

Um novo dia nascendo...
Olho o céu, o sol,
nasce em mim uma esperança -
de paz no meu coração...
Ele está quase vazio,
mas neste momento,
se encheu de luz, como este novo dia...
fiquei pensando em como eu sempre
tinha feito as coisas certas e na hora certa
as vezes venci, noutras fracassei,
nem tudo é perfeito na vida
temos vitorias e derrotas,
alegrias e tristezas,
tempo para seguir
e tempo para parar...
continuei ali, pensando...
na beira daquele rio,
com aquele barulhinho da água... adormeci
e sonhei...
sonhei com anjos tocando violinos e flautas,
lindamente, suavemente,
e um anjo, de olhar meigo e voz doce
me dizia, quase cantando,
que meu coração era pura
por isso, estava renovado
que eu era insistente
por isso uma vencedora
que a maldade e a dor
são passageiras, vão logo embora...
e tocaram - só para mim
Carruagem de Fogo, que tanto gosto
então, eu que não sabia que sonhava, pedi:
- toca anjo, toca Jesus Alegria dos Homens,
toquem para mim
E os anjos tocaram e cantaram - só para mim...

ÊIDINA QUEIROZ, RJ 15\12\2015


QUEM É VOCE - ou TEU NOME É MALDADE

Quem é você - Teu nome é MALDADE - 7 letras

Estava indo para onde não devia ir
e vendo o que não devia ver
fazendo o que não devia fazer
e cantando o que não devia cantar
sendo o que não devia ser
e escrevendo o que não devia escrever
contando o que não devia contar
e sonhando o que não devia sonhar
As pessoas interpretam o que escrevo
de uma maneira errada
e complicam o que é sincero, simples
verdadeiro e fácil de entender
tenho um coração amoroso,
mas é frágil...
ele é meigo,
mas sofredor...
ele é meio fraco,
mas sabe amar...
eu estou cansada, muito cansada,
de sofrer...
minha minha inteira eu sofri...
sofri por mim
e sofri o sofrimento dos outros
por ser sensível e preocupada
devo desistir do amor? de amar?
do sofrimento?
da dor?
da angustia?
de viver?
de ser feliz?
Ou devo desistir das pessoas:
falsas
más
invejosas
mentirosas
desrespeitosas
injuriosas
que destilam seu ódio...
que não possuem nada no coração
não sabem o que é respeito
não conhecem a gratidão
seres frustrados e sem esperança
suas mentes, doentes
só pensam no mal, em vingança
este sentimento que corrói feito câncer
dilacerando a alma e o coração
seres rastejantes, que espalham peçonha
o fel das suas almas se espalha por todo o corpo
seres infelizes, anjos do mal, de asas negras,
seus olhares queimam como fogo
seus abraços são como flechas envenenadas
que furam e machucam... e sangram ...

ÊIDINA QUEIROZ, RJ, 15\12\2015



DA VIDA NÃO SEI NADA...

Não sei se a vida é curta ou longa para nós,
mas sei que nada do que vivemos tem sentido,
se não tocarmos o coração das pessoas.
Muitas vezes basta ser:
colo que acolhe,
braço que envolve,
palavra que conforta,
silêncio que respeita,
alegria que contagia,
lágrima que corre,
olhar que acaricia,
desejo que sacia,
amor que promove.
E isso não é coisa de outro mundo,
é o que dá sentido à vida.
É o que faz com que ela não seja:
nem curta,
nem longa demais,
mas que seja:
 intensa,
verdadeira,
 pura,
enquanto durar.
Rio, 09.11.2015

"Feliz é aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina".Cora Coralina



SE...

SE...

Se eu perder um dedo, vão ficar 9... 
se eu perder uma mão, vai ficar a outra mão... 
afinal eu tenho duas mãos... 
se eu perder um pé, fica o outro pé... 
mas não posso perder a minha dignidade, minha alegria e vontade de viver... 
aí não seria eu... 
posso não ser forte todos os dias, mas sei lutar, 
sempre hei de lutar pela minha vida, 
pelos valores que acho essenciais, pelo justo, pelo certo, 
ate o ultimo minuto, enquanto eu respirar 
eu vou lutar por tudo o que eu acho certo e justo, 
sou guerreira, sou amazônida, não nego a minha origem... 
quem quiser gostar de mim e me aceitar, que seja do jeito que eu sou, 
não vou mudar para agradar a ninguém..

ÊIDINA QUEIROZ - RJ , 16\12\2015

sábado, 23 de maio de 2015

NÃO TENHO MEDO DE AMAR

Não Tenho Medo de Amar


Não tenho medo de amar
não tenho medo de arriscar
não tenho medo de viver
não tenho medo de crer (em você)
o sol nasceu mais cedo
e pela minha janela vai entrar
para a minha alma iluminar
para a minha vida modificar
sua luz cega os olhos
de quem não quer ver
de quem não quer viver
mas eu, prefiro viver
e amar você
você que é minha luz
você que é o meu sol
esta luz que ilumina a minha vida
a luz que aquece o meu coração
e me faz feliz, me faz viver
vivo, porque amo você


ÊIDINA QUEIROZ
Rio, 17\05\2015

AMAR DEMAIS

Amar Demais






É preciso ter coragem para viver
é preciso coragem para amar
e viver um grande amor
é preciso coragem para falar o que se sente
o que vai na alma
é preciso ter coragem para deixar o coração livre
para um grande amor entrar
é preciso coragem para se libertar
de uma dor, do desamor
é preciso forças para renunciar
deixar o ser amado partir
renunciar, também, é amor
amor demais
amar demais




ÊIDINA QUEIROZ
Rio, 22\05\2015

sexta-feira, 3 de abril de 2015

QUEM SABE DAS COISAS É O MEU CORAÇÃO

Perguntei ao meu coração, o que era preciso para eu viver em paz e ser feliz.
Ele me respondeu que eu precisava rever, remover e retirar algumas coisas,
substitui-las, adequar a minha vida, saber viver e conviver com a realidade
das coisas e das pessoas, aceitar o que me faz bem, o que for além disso,
não levar em consideração.
Às vezes, tens que seguir a razão, mas em outras, seguir teu coração, para viver
melhor  e feliz; ver com o coração, falar com o coração, pois às vezes
a boca não diz o essencial, o que vai no coração... e na alma;
O coração nunca se engana, nunca mente, ele sente... acho melhor ouvir o teu coração.
Dê uma boa olhada - veja se o teu coração está feliz, ou está sangrando, ou talvez em
expectativa, esperando, muito, algo acontecer... sinta as suas batidas, assim tu vais saber...
Faça uma limpeza no teu coração: jogue fora as mágoas e todas as coisas antigas;
remova as cinzas de algo que já queimou e não existe mais, não sobrou nada;
troque algumas coisas de lugar, inverta as suas posições;
troque de embalagem as que devem ser guardadas, se valem à pena;
Vamos lá! comece já a arrumação, a mudança...
verás o resultado...
lembre-se: não se pode acabar o que nunca começou...
deixa a luz do sol e do céu entrar, deixa o teu coração cheio de esperança,
de amor, de ternura, de paixão e de justiça...
Agora estou entendendo:
Quem sabe das coisas é o meu coração.

ÊIDINA QUEIROZ, Araruama, 03\04\2015